05 de Julho de 2019

Para aperfeiçoar o plano de emergência, que existe desde a inauguração do hospital...


A busca pela excelência é constante na Unimed Belém. Desta vez, a equipe do HPU simulou um incêndio no Hospital, em parceria com órgãos de segurança, como forma de treinar e capacitar os colaboradores da unidade em casos emergenciais. Durante a ação, realizada na manhã da terça-feira (18), a equipe com diversos especialistas entre engenheiros de segurança, médicos e brigadistas executaram o abandono total do prédio em decorrência de catástrofe interna, elaborado para garantir a segurança de toda a população fixa e flutuante do Hospital.

De acordo com a Dra. Regina Guimarães, coordenadora do Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho (SESMT) do Hospital Pediátrico da Unimed Belém, a ação prepara toda a equipe do hospital para qualquer intervenção necessária internamente e também externamente, em casos de sinistros próximos. Segundo a Médica, o Hospital Pediátrico já possui o Plano Emergencial, e também agora, comprova ainda mais a segurança de seus processos, com o plano de Catástrofe Interna. “Precisamos estar com a equipe sempre alinhada, capacitada e atualizada. Para isso, tivemos o treinamento técnico com toda a equipe, um pré-simulado e, hoje, o simulado oficial junto aos órgãos envolvidos em ocorrências como esta”, explica Regina.

O treinamento contou com o apoio do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e equipe de colaboradores da Unimed Belém. Ao todo aproximadamente 80 pessoas participaram do procedimento, que simulou um incêndio com oito vítimas resgatadas de diferentes pontos do hospital. As vítimas eram socorridas e levadas para o Centro de Gerenciamento de Crise (CGC) montado a cerca de 30 metros da unidade. No local, técnicos, enfermeiros, médicos e socorristas atuaram na triagem do estado de saúde das vítimas e atendimento até a chegada das ambulâncias para remoção das mesmas para unidades hospitalares.  

O Hospital Pediátrico da Unimed Belém está passando pelo processo de certificação da Organização Nacional de Acreditação (ONA). Para aperfeiçoar o plano de emergência, que existe desde a inauguração do hospital, a cooperativa contratou uma empresa especializada, a Aprovar Projetos, Serviços e Treinamentos, para elaborar o plano de catástrofe.

Para o Engenheiro de Segurança do Trabalho Bruno Moura, consultor da empresa Aprovar, “A catástrofe pode ser caracterizada como uma situação que vai mudar o cenário de rotina do hospital, sendo ela interna, ou ocorrendo nas redondezas do prédio. Dependendo da situação temos a isolação de um pavimento, se for algo mais grave, com mais vítimas em estado de atenção podemos ter a isolação de um pavimento inteiro”, esclareceu o profissional. 

Assessoria de Comunicação e Marketing Unimed Belém

Leia também